ilustracao-brainstorming_23-2147531596.jpg

Melhore a ansiedade com a reprogramação mental!

 

Quando temos um problema, perdemos até noites de sono, a ansiedade pula no peito, o humor altera, o foco vira a comida, e o que acontece? Sentimo-nos ainda pior, surge a culpa, a falta de claridade dos pensamentos, tudo vira uma bola de problemas e tudo se torna ainda mais difícil de resolver.

 

Com o humor mais negativo, temos grande tendência de generalizar as coisas “tudo na minha vida dá errado”, isso acontece porque aumentamos as proporções dos problemas. Perceba que em alguns momentos, solucionamos problemas bem mais complicados com bem mais facilidade.

 

Quando a ansiedade aumenta não conseguimos focar direito, nem encontrar soluções, pois a química do corpo se altera, a adrenalina e o cortisol fazem uma confusão, uma mistura de agitação com estresse. Em momentos de ansiedade, esquecemos muita coisa, porque nossos neurotransmissores passam informações cruzadas e isso causa confusão mental. Quando paramos, prestamos atenção ou anotamos as questões, reorganizamos nossos pensamentos e isso ajuda na resolução.

 

Em momentos assim, é fundamental usar a razão e não deixar suas emoções tomarem conta, pois para solucionar problemas precisamos entrar no modo racionalizar.

A racionalidade te ajudará a tomar as melhores decisões. Tente manter a calma, faça exercícios, te ajudarão a distrair e a regularizar os níveis hormonais.

Sabe por que muitas vezes, você tenta pensar em como resolver um problema e não consegue encontrar a saída? Por que está focando errado!

 

As emoções exacerbadas e o estresse só atrapalham, pois levam a agir precocemente e sem avaliar o melhor recurso. Você deve focar na “solução da questão”, e não no problema.

 

Uma boa estratégia seria anotar e listar os problemas e estabelecer “planos”, eles são fundamentais para a solução. Quando colocamos as coisas no papel, temos a tendência de analisar de forma mais clara. Faça uma lista de tudo que precisa ser resolvido e categorize as prioridades, dentro de cada questão tente pensar em opções, com certeza tudo fica muito mais organizado para resolver.

 

Reclamar das coisas e da vida, nunca resolve, estará focando no problema. Focar na solução exige treinamento mental, até que se torne um hábito.

 

Normalmente fazemos comparações injustas, pensar que “a vida do outro é sempre mais fácil”. Cada um tem uma luta diária, cuide de seus pensamentos, pois eles se tornam suas verdades e que nem sempre são reais, ao que chamamos de crenças enraizadas.

 

Reprogramar sua mente é fazer exercícios mentais diariamente para sair do negativismo, vitimização, comparações, generalizações, entre tantos outros erros mentais que construímos e carregamos.

Nossa mente é muito poderosa, busque o equilíbrio entre o racional e suas emoções.  

As emoções são de grande influência em nossas decisões, mas elas também precisam de organização, isso não significa privá-las, não demonstrar ou reprimir sentimentos, mas aprender o que sente e o que pensa sobre cada emoção. Isso te ajudará no foco de soluções.

 

Um exemplo seria de pensamento prejudicial seria “Não consegui aquele emprego, sou uma incompetente”, e com isso você passa a ver a vida de forma negativa e foca no “problema”, porque acredita na desvalorização própria.

Neste caso, focar na “solução” seria agir de forma racional (pensar), mas com solução envolvida, “talvez um curso possa me abrir portas”, “posso continuar enviando currículos”.

 

Percebe a diferença na forma de pensar? Você passa a reagir diferente e busca a solução e é essa intenção da reprogramação mental.

 

Vamos começar a focar de maneira mais produtiva? Exercite sua mente para que ela trabalhe a seu favor! Reprograme os pensamentos de forma mais eficaz.

 

 

Cleunice Paez - Psicóloga CRP 06/103445

Especialista em Terapia Cognitiva Comportamental 

Especialista em Psicologia Jurídica 

Contato (011) 970172525

Email: paez.psicologa@gmail.com